Shopping: Amazon AliExpress Blue Monday
 DATABASE
PT         +

Notícias

18/01/2005 15:37
Peterhansel é bicampeão do Dakar nos carros – Despres vence entre as motos
Da Redação
Terminou no último domingo (16/01) a 27ª edição do Rali Dakar, o maior e mais perigoso rali do mundo. A competição teve início no dia 1º de janeiro, em Barcelona, Espanha, e percorreu 9.039 km em 16 dias, até chegar a Dakar, no Senegal. Dos 463 veículos que largaram em Barcelona, 215 completaram a prova, chegando às praias de Dakar.

O francês Stephane Peterhansel, da Mitsubishi, conquistou o bicampeonato na categoria carros, terminando o rali com 27min14s de vantagem para seu compatriota e companheiro de equipe Luc Alphand. Peterhansel já acumulava em seu currículo seis vitórias nas motos. A alemã Jutta Kleinschmidt ficou com a terceira colocação. A dupla brasileira Klever Kolberg e Lourival Roldan terminou o rali na 16ª colocação.

Nas motos, o título ficou com o francês Cyril Despres, da KTM. Despres chegou a Dakar 9min17s à frente do espanhol Marc Coma. O sul-africano Alfie Cox foi o terceiro colocado. O brasileiro Jean de Azevedo conseguiu um excelente resultado, terminando o rali na sétima colocação geral. Jean tornou-se o primeiro brasileiro a vencer uma etapa do Dakar nas motos, feito conseguido na 14ª etapa.

A prova nas motos foi marcada pela tragédia. O italiano Fabrizio Meoni, bicampeão do Dakar, faleceu após um acidente no dia 11 de janeiro, no início da 11ª etapa. Dois dias antes, o espanhol José Manuel Pérez havia falecido em decorrência de um acidente na sétima etapa.

Nos caminhões, a vitória ficou com o Kamaz do russo Firdaus Kabirov. O japonês Yoshimasa Sugawara foi o segundo na geral, mais de seis horas atrás de Kabirov. O brasileiro André Azevedo, ao lado de seu primo Luiz Azevedo e do tcheco Jaromir Martinec, abandonou o rali na décima etapa, após um sério problema mecânico em seu caminhão Tatra.