Shopping: Amazon AliExpress Blue Monday
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram

Notícias

23/05/2004 23:00
Schumacher bate e Trulli conquista em Mônaco sua primeira vitória na Fórmula 1
Da Redação
Uma corrida recheada de emoções neste domingo em Mônaco barrou a seqüência de seis vitórias do alemão Michael Schumacher na temporada do Mundial de Fórmula 1.

Como esperado as Renault pularam na ponta na largada, com o italiano pole position Jarno Trulli na frente e o espanhol Fernando Alonso em segundo. As duas BAR vinham a seguir com o britânico Jenson Button em terceiro e o japonês Takuma Sato em quarto. Kimi Raikkonen pulou para quinto com a McLaren e Schumacher caiu de quarto para sexto, com o brasileiro Rubens Barrichello em sétimo.

As Renault disparavam na frente enquanto Sato segurava o resto do pelotão no estreito circuito de rua. Na terceira volta, o motor da BAR do japonês estourou, soltando uma nuvem de fumaça que bloqueou a visão de quem vinha atrás. Sem enxergar, o italiano Giancarlo Fisichella bateu com sua Sauber na traseira da McLaren do britânico David Coulthard e capotou, provocando a entrada do safety car na pista.

Os carros se reaproximaram e após a primeira parada nos boxes, Schumacher voltou em terceiro, ganhando as posições de Raikkonen e Button, ficando atrás apenas das Renault. Na metade da prova, Alonso foi colocar uma volta sobre a Williams do alemão Ralf Schumacher e acabou batendo forte dentro do túnel, abandonando a prova muito irritado e provocando nova entrada do safety car. Trulli aproveitou o momento para fazer sua segunda parada e Schumacher assumiu a liderança, apostando na estratégia de pit stop para vencer a sétima prova seguida no ano.

Mas inexplicavelmente, na última volta antes da saída do safety car, Schumacher freou forte dentro do túnel e foi abalroado pelo colombiano Juan Pablo Montoya. O alemão hexacampeão mundial perdeu o controle de sua Ferrari e bateu de frente, abandonando pela primeira vez desde o GP do Brasil do ano passado, em abril de 2003.

Trulli reassumiu a liderança, com Button em segundo. O britânico imprimiu uma emocionante caçada ao italiano nas últimas voltas, mas a vitória ficou mesmo com Trulli, sua primeira da carreira. Barrichello não conseguiu um bom desempenho durante toda a corrida, mas com os vários abandonos acabou herdando um excelente terceiro lugar, chegando ao seu quarto pódio do ano. Montoya terminou em quarto.

Felipe Massa terminou em quinto com Cristiano da Matta colado em sexto. Pela primeira vez na temporada os três brasileiros chegaram à zona de pontuação. Schumacher continua com uma folgada liderança no campeonato, com 50 pontos. Barrichello é o segundo com 38 e Button o terceiro com 32. A próxima etapa será disputada no próximo domingo, 30 de maio, em Nurburgring, na Alemanha.


Ajude-nos a seguir com nosso trabalho de 20 anos. Você pode doar qualquer valor de forma pontual ou recorrente. Veja as opções a seguir:

Doar